Páginas

minha meta

Quem sou eu

Minha foto
Uma pessoa alegre, comunicativa que adora fazer amizades e que após tentativas frustradas de dietas, escolhe a bariátrica para mudar a qualidade de vida. Quero trilhar novos caminhos com novos desafios. Sejam todos muito bem vindos e um prazer grande responder a todos!!!

sexta-feira, 9 de março de 2012

Tudo muda.


 Oi minhas lindas e lindo (agora tenho um homem no meio das meus contatos)....... :)

Gente eu sei que já falei um pouquinho sobre esse assunto no post passado, porém a minha preocupação é tamanha que irei comentar de novo.

Após a cirurgia você começa a ingerir os líquidos na quantidade de 60 ml de hora em hora fica hiper cheia, não tem tantas opções do que tomar, começa a sentir muita vontade de "comer de verdade" e o melhor de tudo NÃO SENTI FOME, o que normalmente acontece é a VONTADE  de comer e se fizer gosto consegue ficar muitas horas sem colocar nada na boca passando a comer por necessidade, a fraqueza é considerável, língua esbranquiçada, dentes ásperos e os quilos começam a despencar quase um quilo por dia. Depois de 15 dias (técnica Sleeve) vc entra na dieta pastosa e já fica mais alegrinha com a nova consistência, a língua e dentes voltam ao normal, a fraqueza vai sumindo e continuamos torcendo para chegar o mais rápido possível na fase sólida. No 2 mês começa finalmente a dieta sólida, vc pula de felicidade, mas a fome continua não dando as caras, começamos a experimentar os alimentos o que cai bem o que não cai, nesse período muitas coisas ainda não caem legal. No 3 mês já na academia você observa que juntamente com a vontade de comer vem a senhora FOME e dá as sua caras novamente, continua na experimentação e adaptação dos alimentos. No 4 mês minha gente tenho sentido muita fome, a quantidade de alimentos que consigo ingerir é relativamente maior, não que eu coma a quantidade que comia antes de operar, mas aumenta consideravélmente, as guloseimas nem se fale cabem bastante e fácinho no estomaguinho. 
Falando por mim aos 4 meses de gastro não tenho problema com NENHUM tipo de alimento ou consistência se quiser consigo comer de TUDO. Sabia que a fome em algum momento ia aparecer e a quantidade de alimento ingerido também aumentaria, até pq não poderiamos passar o resto da vida comendo como um passarinho, mas sinceramente na minha cabeça isso aconteceria por volta de 1 ano de gastro. Por isso minhas lindas que ainda não passaram pela gastro ou que ainda estão no comecinho a senhora fome aparece e a quantidade de alimentos ingeridos começa aumentar bem antes de 1 ano de gastro, logo temos que ficar muito atentas e vigilantes a essa situação principalmente para as pessoas que escolhem a técnica SLEEVE, onde tudo que ingerimos é absorvido pelo organismo, consequentemente as chances de engordar é ainda maior. Por isso meu medo de colocar tudo a perder, não atingindo a minha meta ou voltar a engordar é imensa.

Logicamente o que está escrito aqui assim como todo esse blog é algo pessoal que varia para cada pessoa.

Essa é a minha realidade nua e crua......rs 

Vou ficando por aqui.


Minha gente bom fim de semana que se inicia.

Estarei visitando a todo(a)s.

Beijus.

24 comentários:

Vânia Mara disse...

Ei linda. Realmente, o tempo vai passando e a gente consegue comer mais, é nessa hora que devemos selecionar nossa alimentação, eu tb consigo comer de tudo e não passo mal, daí coloquei um decreto ak em casa: não entra guloseimas, chocolates, etc... (só de vez em quando e em pequena quantidade).
Mas pode ficar tranquila, vc tem pouco tempo de operada, vai perder muito ainda...
Mas não esqueça da Reeducação Alimentar que devemos seguir pelo resto de nossas vidas! E isso é uma benção pois muitos gostariam de ter essa oportunidade. Um forte abraço!

Beauty disse...

Ai, Camile em mim tb cabe muitooo mais...
É se reeducar mesmo...
Num tem jeito!
Beijos

Gastroplastia Anne disse...

A fome é da nossa cabecinha q continua gordinha Camila se apreder-ms acontrolala, conseguimos ñ sentir ela. e como a Beauty disse o negocio é se reeducar mesmo se não baubau. bom sucesso na sua caminhada sempre viu bjs

Isac Aires disse...

reeducação alimentar sempre, a vigilância tb, vc eh responsável pelo o que leva a sua boca, entao tem q trabalhar isso, vc vai conseguir, bjos http://isaclourenco.blogspot.com/

JóiJói disse...

Cá, fique tranquila, vc não passou por tudo isso à tôa!
Será disciplinada!!!
Perguntei como tinhamos combinado, sobre o aumento da comida...
Começamos a ter a dilatação fisiológica do estômago e comemos mais mesmo.
Mas se continuarmos com os exercícios e selecionarmos os alimentos, não tem erro: emagreceremos.

Kelly disse...

Eu Camile tenho só 38 dias de operada e desde que sai do hospital o medo de ter feito tudo em vão já esxitia. Acho que esse medo nos acompanhará sempre. beijos

Fabi Godart disse...

Concordo com a Kelly, tambem sinto isso, ainda mais porquemeu emagrecimento ta devagarzinho... Mas o jeito é se tranformar mesmo né? Comer pouquinho, exercitar muito (tudo facinho, facinho..) Mas infelizmente é isso! Aff! Bjosss!!!

Uma nova história Deus tem pra mim disse...

oi Camile eu tbm tenho essa realidade e para me assustar a balança esse mês não me deixou feliz,bem tô com medo de não atingir minha meta,as vezes confesso que até perco o sono,sei que isso deppende de mim tenho que me segurar,concordo com vc acho estranho quando como comida cabe pouco mas besteiras cabe muito,bem deixo meu abraço a vc beijos

Gastroplastia Anne disse...

obrigada minha linda ajuda bastante viu a opinião de vcs. Bom esse foi um dos 4 modelos de cardapio q eu criei, a minha nutri falou a mesma coisa q a sua, no almoço ela disse que era pra eu priorizar a proteina animal, arroz e feijão e salada porem não cabe tudo rsrs então ela mandou revesar um dia sim outro ñ mas não pode faltar, janatar eu como comida ontem q fiz a mesma opção do café da manhã, hoje a janta é comida, as outras opções de cardapio estar bem equilobrado, eu adorei sua visita e sua opinião viu ajuda muito a melhorar sempre obrigada.

Jean Pierre Palmieri Battilani disse...

Agradeço sua visita e já estou te seguindo.
Sucesso para nós!!!!
ABração.

Carla disse...

Ola minha querida, nesse post percebi seu desespero no medo de nao chegar na sua meta, mais amoré, vc e forte e ainda com essa técnica da serve vc tem a jaula dela e com sua determinação eu tenho certeza que vc chegara e ainda mais conseguira manter seu pesomideal para o todo o sempre, e uma questão de conscientizar, eu me dou por exemplo, já amoré vc nao tem idéia do orgulho que eu sintomas mim, se vc me conhecesse a uns 2 anos atras naomdiria queimou a mesma pessoa, eu nao acredito ate hoje a forca que estava escondida por detrás da minha vontade de emagrecer, e hoje que estou exatamente no peso dos sonhos, eu me sinto feliz e com prazer de comer as coisas certas, as vezes claro eu abuso um pouco, mais na mesma hora eu vejo onde errei e sigo azedo o certo. Beijos minha linda e fé e confie em vc, vc tem uma forca que ainda nao conheceu, mais nesse processo vc vai se descobrir. Ótimo domingo pra vc minha linda.

Isac Aires disse...

dois homens, eu e o Jean hehehe, abraços http://isaclourenco.blogspot.com/

Jack disse...

florzinha com o tempo e esforço vc vai chear onde deseja...
torço mtoo
bjusss

Por Paloma Coelho disse...

Gata temos praticamente o mesmo tempo de gastro e estamos em fases bem parecias, vamos nos agarras umas as outras, força

Ana Banana disse...

Não tenha medo, querida.Você é mais forte do que a comida. Vai conseguir tudo o que deseja. Beijos.

Alexandra disse...

passando p te deixar um beijinho

Lu Fernandes disse...

Ei flor!! Obrigada pelo carinho de sempre!!! Vim desejar uma semana abençoada!!! bjssss

Vê Nunes disse...

Cá, realmente temos q nos controlar né?! Ainda estou na fase liquida, não tenho tido fome, mas vontade de comer...mas seja forte e não tenha medo, o medo nos deixa prisioneira...é só fazer td certinho q dará certo!!! Bjs

Tati disse...

Oi vim agradecer a visita e deixa um abraço!

Bjos!

Tati disse...

Ah já te add tbm!

Flavinha disse...

É assim mesmo lindona... eu tbm sinto que cabe mais alimento no meu estômago. Mas já tenho o mantra comigo de não comer até me sentir cheia.
Como um pouquinho e paro simplesmente... daí alguns minutos é que vem a saciedade.

Não quero nem pensar em voltar a velhos hábitos.

A gente chega lá querida!

Beijinhos

Márcia Costa disse...

Oi Camile td bem?
Acabei de ver sua postagem no meu blog..Me perdoe não responder antes,mas estava de cama(pressão alta),mas vou te passar o link da matéria.
Um beijo!
http://g1.globo.com/bemestar/​noticia/2012/02/​metade-dos-obesos-que-reduzem-o​-estomago-volta-engordar.html

Tathiana disse...

Aff, pensei que a fome ia ser coisa rara...
Firme na luta aí!
Bjs.

Michele disse...

oi Cá!!!
Essa é a nossa realidade, medos sempre temos, antes éra o medo da cirurgia, depois o medo de pós, e agora o medo de voltar a ser o q eramos antes, é uma dura realidade, taí a prova q a cirurgia não é magia, e sim uma muleta para q possamos seguir a diante...

Olha só tive q colocar meu blog no privado, me mande uma email com teu email do blogger para q eu possa te convidar: mimiga4@hotmail.com

Postar um comentário